quarta-feira, novembro 21, 2012

IGREJA DE INGLATERRA SUICIDOU-SE





  • Reunión de la Iglesia de Inglaterra. Después de votar en contra de la legislación que hubiera permitido la ordenación de mujeres como obispo, el Sínodo General de la Iglesia Anglicana se reúne para ver cómo afrontar el futuro, informa The Guardian http://cort.as/2qLS

    Não gosto ·  ·  ·  · há 31 minutos

  • http://revistasuperteens.com/

    Não gosto ·  ·  ·  · há 50 minutos

  • Jesús, Jesús... El Papa afirma que no había ni mula ni buey en el portal de Belén http://sociedad.elpais.com/sociedad/2012/11/21/actualidad/1353456999_980300.html … via @el_pais

    Não gosto ·  ·  ·  · há 2 horas
    • Gostas disto.
    • Luís Magalhães El último libro del Papa, que se pone hoy a la venta en 50 países al precio de 17 euros y bajo el título La infancia de Jesús, solo tiene 176 páginas en la edición italiana, pero muchos titulares. Aunque Joseph Ratzinger, que ya era un respetado teólogo antes de convertirse en Benedicto XVI, deja en pie “la realidad histórica” del nacimiento de Jesús y la virginidad de María, se carga de un plumazo la iconografía del portal: ni había mula ni había buey, y la estrella –casi con toda probabilidad— era una supernova.

      El libro, el tercer volumen que Ratzinger dedica a la figura de Cristo, se plantea una pregunta tan delicada como crucial para los católicos: “¿Es cierto que Jesús fue concebido por obra y gracia del Espíritu Santo y nació de Santa María Virgen?”. El Papa se contesta: “Sí, sin reservas”. Ahora bien, Benedicto XVI le quita la razón a San Agustín, quien dejó escrito que María hizo un voto de castidad y se encomendó a José para que la protegiera. Según Benedicto XVI, tal reconstrucción de los hechos “está fuera del mundo judío en el tiempo del nacimiento de Jesús”. Una fecha que Joseph Ratzinger sitúa –recurriendo al Evangelio de San Lucas—en el año 15 del imperio de Tiberio César, entre el 6 y el 7 antes de Cristo, coincidiendo con una conjunción de los planetas Júpiter, Saturno y Marte. Pero, más que la fecha, llama la atención la manera en que el Papa reescribe, aunque sin refutar, los textos de Lucas y de Mateo.

      “¿De dónde?”, se viene a preguntar Ratzinger, “¿pudieron sacar los dos evangelistas la historia que cuentan?”. Según su respuesta, de la propia María. “Solo ella”, sostiene el Papa, “podía referir el evento de la Anunciación”. Los matices del teólogo alemán llegan con los detalles. Según explica en el tercer capítulo, dedicado al nacimiento de Jesús, la Virgen envolvió a su hijo en pañales, pero como cualquier otra madre en sus circunstancias, esto es, con amor pero “sin sensiblería”. Es la tradición, según Joseph Ratzinger, la que le pone literatura al asunto, metiendo en el cuadro un pesebre –representación del altar-- y unas gasas para envolver al bebé –un anticipo de la hora de su muerte-.

      El Papa, por tanto, hace tabla rasa con los detalles –“en el portal no había animales”-- y, a cambio, garantiza la veracidad del meollo del asunto: el nacimiento de Jesús no es un mito, sino una realidad: “Historia, historia real, acontecida, historia interpretada y comprendida con base a la Palabra de Dios”. Tan cierta, añade el Papa, como la virginidad de María. “Una mujer valiente”, escribe Joseph Ratzinger, “que incluso ante lo inaudito [el anuncio del Ángel] mantiene el autocontrol. Es una mujer de gran interioridad, que mantiene juntos el corazón y la razón y trata de entender el contexto, el conjunto del mensaje de Dios”.

  • The Catholic Group on the General Synod, which backed a no vote, has issued this statement:

    We regret the Synod was put in the position whereby draft legislation failed at final approval because it was unclear and unfair in its provision for those who, in conscience, are unable to accept the ministry of women as bishops or priests.

    The Catholic Group calls on the House of Bishops to reconvene the talks started in the summer between representatives of different groups, chaired by Bishop Justin Welby.

    The campaigning group Women and the Church has said today's result was a "devastating blow" for the Church of England.

    The Press Association reports:

    The Rev Rachel Weir, Watch chairman, said: "This is a tragic day for the Church of England after so many years of debate and after all our attempts at compromise.

    "Despite this disappointing setback, Watch will continue to campaign for the full acceptance of women's gifts of leadership in the Church's life."
    Não gosto ·  ·  · há 2 horas

  • http://www.facebook.com/l.php?u=http%3A%2F%2Fwww.guardian.co.uk%2Fworld%2F2012%2Fnov%2F20%2Fwomen-bishops-church-england-vote-live&h=mAQHoQ6fh

    Não gosto ·  ·  ·  · há 2 horas
    • Gostas disto.
    • Luís Magalhães The Church of England has been plunged into its gravest crisis in decades after legislation that would have allowed female clergy to become bishops and swept away centuries of entrenched sexism was rejected by just six votes.

      In dramatic scenes at Chu
      rch House in Westminster, a long-awaited measure that was the result of 12 torturous years of debate and more than three decades of campaigning was defeated by lay-members, prompting one bishop to warn that the established church risked becoming “a national embarrassment”.

      The legislation had needed a two-thirds majority in each house of synod to pass, but, despite comfortably managing that in both the houses of bishops and clergy, it was dealt a fatal blow in the laity where lay-members voted 132 votes in favour and 74 against.

      The result - a huge disappointment for campaigners who warned that the church’s image in the eyes of parliament and the public had been severely damaged- was also a bitter blow to Rowan Williams, the outgoing Archbishop of Canterbury whose time at Lambeth has been dominated by the issue and who had campaigned personally for a ‘yes’ vote.


  • No one is likely to underrate the significance of November's debate on women bishops in General Synod. It will shape the character of the Church of England for generations - and I'm not talking only about the decision we shall take, but about the way in which we discuss it and deal with the outcome of it.

    Those who, like myself, long to see a positive vote will want this for a range of reasons which have to do with both the essential health of the Church and its credibility in our society. They are keenly aware of living with a degree of theological inconsistency.

    As Anglicans we believe that there is one priesthood and one only in the Church, and that is the priesthood of Jesus Christ - his eternal offering of himself, crucified, risen and ascended, to the Father to secure everlasting "
    covenanted" peace between heaven and earth. To live as "very members incorporate in his Body" on earth is to be alive with his Spirit and so to be taken up in his action of praise and self-offering so that we may reflect something of it in our lives and relationships. To recall the Church to its true character in this connection, God calls individuals to gather the community, animate its worship and preside at its sacramental acts, where we learn afresh who we are. The priestly calling of all who are in Christ is thus focused in particular lives lived in service to the community and its well-being, integrity and holiness - lives that express in visible and symbolic terms the calling of a "priestly people."

    The commitment of most Anglicans to the ordained ministry of women rests on the conviction that what I have just summarised makes it inconsistent to exclude in principle any baptised person from the possibility of ordained ministry. And to take the further step of advocating the ordination or consecration of women as bishops is to recognise that the public role of embodying the priestly vocation of the Church can't be subdivided into self-contained jobs, but is in some sense organically unified, in time and space. Ordained ministry is one connected reality, realised in diverse ways. The earliest Christian generations reserved the Latin and Greek words for "priest" to refer to bishops, because they saw bishops as the human source and focus for this ministry of reminding the Church of what it is. The idea that there is a class of presbyters (or indeed deacons) who cannot be bishops is an odd one in this context, and one that is hard to rationalise exclusively on biblical or patristic grounds.
    Não gosto ·  ·  · há 2 horas
    • Gostas disto.
    • Luís Magalhães If that is correct, a Church that ordains women as priests but not as bishops is stuck with a real anomaly, one which introduces an unclarity into what we are saying about baptism and about the absorption of the Church in the priestly self-giving of Jesus Christ. Wanting to move beyond this anomaly is not a sign of giving in to secular egalitarianism - though we must be honest and admit that without secular feminism we might never have seen the urgency of this or the inconsistency of our previous position.

      Rectifying the anomaly is, we believe, good news in a range of ways. It is good news for women, who are at last assured in more than words alone that their baptismal relationship with Jesus Christ is not different from or inferior to that of men as regards their fitness for public ministry exercised in Christ's name and power. It is good news for men, who may now receive more freely the spiritual gifts God gives to women because women are recognised among those who can at every level animate and inspire the Church in their presidency at worship - and so it is good news for the whole Church, in the liberating of fresh gifts for all. It is good news for the world we live in, which needs the unequivocal affirmation of a dignity given equally to all by God in creation and redemption - and can now, we hope, see more clearly that the Church is not speaking a language completely remote from its own most generous and just instincts.

      But our challenge has been and still is to try and make it good news even for those within our fellowship who have conscientious doubts. The various attempts to find a formula to secure the conscientious position of those who are not convinced about the implications of the theology summarised earlier are not a matter of horse-trading, doing deals. They are a search for ways of expressing that mutual patience and gratitude that are just as much a part of life in the Body of Christ according to St Paul - trying to do the right thing for the Body, even if this leaves loose ends.

      And in this context, it is important to be clear about what the wording of the legislation does and doesn't say. In a culture of instant comment, it's all too easy for a version of what's being said to gain ground and dominate the discussion even when it doesn't represent what's actually there. We saw this in the widespread but mistaken assumption that the amendment proposed by the bishops in May gave parishes the right to choose their own bishop. We are seeing it now in the equally mistaken assumption that the word "respect" in the new amendment is little more than window-dressing.
    • Luís Magalhães The truth is that the word does have legal content. If you're required to show "respect," you need to be able to demonstrate that what you do takes account in practice of someone's conviction. You will need to show that it has made a difference to how you act; it doesn't just recommend an attitude or state of mind ("with all due respect ..."). The word leaves enough flexibility for appropriate responses to different circumstances, but it isn't so general as to be toothless.

      The legislation isn't perfect; all legislation for complex communities embodies compromise and unfinished business. The tough question for those who are still undecided is whether delay would produce anything better. For those who think the legislation has compromised too far, it may be important to note that conscientious opposition has not grown noticeably weaker; it can't be taken for granted that any delay would guarantee a smoother passage. And those who think that the provision for dissent is inadequate have to reckon with the extreme unlikelihood, given the way things have gone in the last few years, that any future legislation will be able to find a more acceptable framework. The chances are that there will in fact be greater pressure from some quarters for a "single clause" measure.

      In other words, voting against the legislation risks committing us to a period of continued and perhaps intensified internal conflict with no clearly guaranteed outcome. Of course, those who believe that the episcopal ministry of women is simply contrary to God's will for the Church of England will vote against, and there should be no unfair pressure on clear consciences. They are voting for what they truly believe is God's purpose for his Church.

      But for those who find it not quite good enough or not quite simple enough, the question must be, "What are you voting for if you vote against this Measure?" And what if you decide that that the answer is, uncomfortably, a period of publicly embarrassing and internally draining indecision?

      My hope for next month's debate is that it will tackle what is really before us, not what it is assumed or even suspected to mean; that it will give us grounds for trusting one another more rather than less; that it will be rooted in a serious theological engagement with what makes for the good of the Church and its mission, a serious attempt to be obedient to God's leading - and, perhaps most soberingly, that it will not ignore the sense of urgency about resolving this that is felt inside and outside the Church, often with real pain and bewilderment.
    • Luís Magalhães As a Synod, we are asked to act, not only as a legislature, but as a body that serves the Kingdom of God and takes a spiritual and pastoral responsibility for its actions. And I know that Synod members, myself among them, will be praying hard about what this entails.

      Rowan Williams is the Archbishop of Canterbury. This article first appeared in the Church Times in anticipation of the General Synod returning next month to debate legislation allowing women bishops.http://www.abc.net.au/religion/articles/2012/10/23/3616348.htm


      www.abc.net.au
      Due to its refusal to ordain women bishops, the Church is beset by a fundamental...Ver mais

  • http://www.youtube.com/watch?v=cA5MJz_4UkY&feature=related
    Não gosto ·  ·  · há 3 horas



  • NÃO CONSIGO VIVER SEM TI

    Sem ti o Sol não nasce de manhã
    Nem se põe ao crepúsculo.
    Sem ti não há dia nem noite,

    Nem a alegria do meu viver...
    És em mim a parte que me falta.
    Desconhecida e nunca vista,
    Conheço-te a essência que me
    Desfaz em prantos!
    Ah, como gostaria de contigo
    Viver todos os momentos desta
    Vida tão cheia de tormentos
    E nos teus braços me deitar
    E dividir o que tenho para
    Dar-te...

    Não gosto ·  ·  · há 10 horas

  • The revelation at Sinai and Jacob's vision of the ladder share something in common. Just as Yeshua was the "Voice of the Living God (קוֹל אֱלהִים חַיִּים) speaking (davar) from the midst of the fire" at Sinai (Deut. 5:26), so He was the Ascended LORD standing above the ladder speaking the word of promise given earlier to Israel (Gen. 28:12-15). Note that the Hebrew words for "ladder," (i.e., sullam: סֻלָּם), "voice" (i.e., kol: קל), and "Sinai" (סִינָי) have the same numerical value, which suggests a connection between the two great visions. Yeshua is the Ladder to God, the means by which the Living Torah both descends and ascends for the sake of our deliverance. The "ladder of Sinai" is not meant for us to ascend but rather is for the LORD our Savior to descend and ascend on our behalf. Yeshua is the way, the truth, and the life (הדֶּרֶךְ וְהָאֱמֶת וְהַחַיִּים): no one can draw near to the Heavenly Father apart from Him (John 14:6).

    http://www.youtube.com/watch?v=GWFsCxg-Q5s&feature=related

    Não gosto ·  ·  ·  · há 11 horas


  • Para Viver um Grande Amor


    É preciso abrir todas as portas que fecham o coração...Ver mais

    Emoções... Emoções... Emoções...! Quanta confusão entre emoções e sentimentos!

    Não gosto ·  ·  · há 14 horas



  • Sem comentários:

    Enviar um comentário

    Shalom! Welcome to CAV Reformed Theology

    Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.




    Uma identificação última com a essência fundamental das igrejas ou espiritualidades não significa, de modo nenhum, que estejamos de acordo com todas e cada uma das coisas que se fazem nelas.

    O teólogo K. Rahner escreve: 
    "O autêntico dogma nas Igrejas constitui algo que me obriga absolutamente. Como cristão e como teólogo, com certa ansiedade de espírito e coração, devo perguntar-me - com não pouca frequência - qual é o verdadeiro sentido de uma afirmação que o magistério das Igrejas mantêm como dogma, para lhe dar o meu assentimento de modo honesto e tranquilo. 

    "Ao longo da minha vida nunca senti que isso fosse impossível. Em relação a esses dogmas, dei-me conta, claramente, que só podem ser bem entendidos quando se torna patente o seu sentido na linha da abertura ao mistério de D-us, sabendo, por outro lado, que foram formulados em condicionamentos históricos determinados. Esses dogmas encontram-se inevitavelmente numa espécie de amálgama que, de facto, não pertence ao conteúdo da declaração dogmática e que pode mesmo levar a que esse conteúdo seja mal interpretado. Isto acontece também porque esses dogmas estão formulados como regulações linguísticas que, para serem fiéis à realidade a que aludem, não deveriam permanecer sempre iguais, nem com as mesmas palavras com que foram formulados. 

    "As coisas são diferentes quando se trata deste ou daquele ensino mantido pelo magistério como oficial, apresentado como vinculante, mesmo que não tenha sido 'definido'. Julgo que, por exemplo, nem a argumentação básica nem a autoridade de ensino das Igrejas a que, de facto, se recorre oferecem um fundamento convincente e obrigatório para aceitar a discutida doutrina católica de Paulo VI na 'Humanas Vitae'. O mesmo se diga acerca da declaração feita pela Congregação Católica da Doutrina da Fé que pretende excluir, por princípio, a ordenação de mulheres, como algo a aplicar em todos os tempos e culturas" (cf. "Scriften" XIV, 1980).

    Labels

    "Only the Father" (1) “Temendo a Deus” (1) 1 (1) 180 grados (1) 4 Pontos do Novo Calvinismo (1) 5 Ways You Will Be Mistreated (1) a comunidade ao mesmo espírito. (1) A IMPOSSIBILIDADE LÓGICA DE JESUS ('YESHUA') (2) A lo Cielo con ustedes (1) A MAIS BELA FLOR (1) A MINHA DESPEDIDA DO CONSERVADORISMO (1) A mulher de Jesus e o Próprio Jesus (1) A ORIGEM DO MAL (1) A palavra El (1) A palavra Ιησουα é feminina (1) A Partícula de Deus (1) A Tradição Adâmica (1) A VERDADEIRA FIDES (3) A vida foi feita para ser vivida (4) A vida foi feita pra ser vivida (1) A Vida Oculta de Jesus (2) Abalemos as Nossas Instituições Divididas (2) Abraão (1) acaba induzindo (1) Adam (1) Adam Harishon (1) Adam Kadmon (1) Adão e Eva (1) ADELE (1) Adjetivos a YHWH (1) ADN (1) Afetos (2) Aliens (1) ALMA (2) AMAR INCONDICIONALMENTE É UMA ARTE (3) Amen (1) AMIGOS (2) Aminata - Um caso de Mutilação Genital | Circuncisão na Alemanha (1) AMOR À INÊS (1) AMOR DE MANINHA (1) AMOR IDIOTA (1) Andre Luchi - Deep Inside Ft. Priscila Prix (Andre Motta Funk Side Mix) (1) Anselmo Borges (3) ANTENA 3 TV AO VIVO (1) Antropologicamente Profundo (1) Apocalipse (1) Apologética Judaicas (1) Arcanjo Gabriel (1) Arcanjo Miguel (1) Armageddon (2) Armindo dos Santos Vaz (4) Arrebatamento (1) ASCO DE VIDA (1) Asham (1) Assexualidade Mística e o Arrebatamento (4) Auto-conhecimento (2) Baal (1) Baptismo (1) Batistas (1) Belém (1) Bíblia (5) BÍBLIAS HEMEROTECA (1) BÍBLIAS HEMEROTECA - EM BUSCA DA VERDADEIRA TRADUÇÃO | Tradução Correta do NT (3) BIBLIOTECA DE TEOLOGIA E EXEGESE ECUMÉNICAS - LINKS (1) BIG BANG (4) Bispas (1) Bispo Aprigio e o Apocalipse (1) Blogues (1) Braga e os Bispos (1) Buenas noches y Buenafuente 1x06 HD | 20/05/2012 | Completo (1) Cabras a cantar são nova sensação do YouTube (1) CALACUS (2) Calvinismo (4) Calvino (1) Caparot (1) Capitalismo não ético (1) Caraítas (2) Carman (1) Carmelitas. Uma vida de oração (1) CARREIRA DAS NEVES (1) Carta aos Hebreus contestada (1) Carta de Deus (1) Carta do HaShem (1) Carta do HaShem a um yehud antinomiano (1) Casa de José (1) Casa de Judá (1) Casamento Judaico (1) Catequese (1) Catequese - Lições (2) Católicos tradicionalistas (1) Cauvinismo (1) CBN LIVE (1) Céu (2) Christianity (1) Ciência (1) CINA (1) Ciúmes (2) Comensalidade (1) Community (1) Compaixão (1) Conservative Judaism (1) Consultório Sexual (3) Contraditório Judaico ao B´rit Hadashah (1) Conversão (2) Conversas com a Nilce (1) Corpo de Deus (1) Criação (1) Cristianismo Progressivo (3) CRISTIANISMO TRINDADE E MITRAÍSMO (1) Cristianismo versus Judaísmo (1) Cruz (1) CUIDADO COM QUEM ANDA - AMISH GRACE - FILME SOBRE A FÉ AMISH NO MOMENTO DA MORTE (1) Culinária (1) D-us morreu no Holocausto? (1) D'us (1) D'us Ele-Ela (1) DAM (1) DAVID É O MESSIAS REENCARNADO (1) de Sandi Dubowsk (1) Debate (4) Debate: Israel não havia quebrado a aliança antes da vinda de Jesus (1) Debates de Afecto Com Uma Feminista (3) DEFICIENTES (1) Deificação (3) Deus (2) Deus Ele - Ela (2) Deus. (1) DEZ MANDAMENTOS (3) Diálogo com o Judaísmo (2) DIÁLOGO ENTRE ATEUS E CRENTES (2) DIÁLOGOS COM O MEU PASTOR BATISTA (1) DIÁLOGOS DE POESIA (2) Disciplina (1) Dízimo (2) DOES JUDAISM NEEDS G-D? (1) e não observada. Não seja plateia (1) É razoável acreditar num Deus? (1) e sim ator. Porém (1) Easter (1) Echad (1) Economia (2) ECUMENISMOS (1) Ed René Kivitz (1) Efraim (1) Eibissa (1) El Cristianismo y las grandes religiones (1) El Hijo de DIos - Teaser Western bíblico futbolero (1) Élder Luís Magalhães Apresenta Judaísmo e Osho (1) Elias (1) EM BUSCA DA BÍBLIA (1) EM OBRAS (1) Emoções (1) Enoch (1) Equality & Gender Issues (1) Escatologia (6) ESCATOLOGIA CRISTÃ (5) ESCATOLOGIA JUDAICA (5) Escatologia Judaica Crente em Yeshua (3) Escatologia Muçulmana (1) ESCOLA DE TEOLOGIA (1) ESCOLA DE TEOLOGIA E BIOLOGIA (1) Escórias (1) Estatísticas (1) ET'S (1) Ética (1) Eunuco (1) Evolução (1) exegese (1) Existe uma guerra espiritual como é interpretada em Efs 6:12? (1) Experiências após a morte (1) Ezequiel 23:20 em Mazal (1) Ezequiel 28 (1) Falo (1) Famílias (1) Fátima (1) FAV TWEETS (1) Feminismo (1) Festas (2) FILISTEUS (1) Filmes místicos (1) Find people who care much more about works of compassion and about inner spiritual growth than they do about doctrines. (1) Frei Bento Domingues (2) FUN AND SPORTS (2) FUTBOLEROS TV (1) Gays (1) Genealogia (2) Génese (1) Genesis (1) GÉNESIS 1-3 (5) GÉNESIS 1:1 (1) Genizah (1) GEOLOGIA (1) GLBT (9) GLBTI (2) Gnosticismo (1) Guehinom (1) Guerra (1) Guerras (1) Guilgul Neshamot (2) HA Satan (2) Hades Intermediário (1) Halal (1) Hans Küng (1) HaShem (1) Hassidismo (1) HEMEROTECA DE EBOOKS (1) Hesed (1) Hora do Enterro de Jesus (1) HUMOR (2) Humor bizarro (1) Identidades religiosas em Portugal: identidades (1) Idolatria (1) IGREJA DE INGLATERRA (1) Igreja Evangélica (1) Igreja Ortodoxa (3) iguais-aos-Apóstolos (1) Illuminati (1) Imagens (2) iMissio (1) Imortalidade (2) improvise. (1) Impureza (1) Índice (1) INFERNO (4) Inquisição Católica (1) Inquisição Protestante (1) Inquisições (1) Intercessão (1) INTRO (1) Irmãos de Jesus (1) Isa (1) Isaac (1) Isaías 9:6 (1) Islam (2) ISRAEL (2) Javá (1) Jean Cauvin (1) Jesus (7) JESUS ANTES (1) Jesus Cristo - um presente dos gregos - Ivani de Araujo Medina (1) Jesus Cristo Presente Dos Gregos (1) JESUS DEPOIS.... (1) JESUS E AS RELAÇÕES DO MESMO SEXO (1) Jesus e o Centurião (1) Jesus foi preso na noite de terça-feira (1) JESUS NÃO DESCENDE DE DAVID (1) Jesus um Plágio? (1) João 1 (1) João 1:1 (3) JOÃO 1:1 Mateus 2:23 Isaías 53 (3) JUDAÍSMO (7) Judaísmo 101 (3) Judaísmo Humanista (1) Judaísmo Liberal (2) Judaísmo Trinitariano vs Judaísmo Monoteísta Puro (1) JUST LIVE LIFE (1) Kabbalah (4) La Historia de la Religión en 1 Minuto (1) Laicidades (1) Lapidação (1) Leandro Lima - Uma Defesa do Batismo Infantil e por Aspersão (1) LECTIO DIVINA (1) Lefebvrianos (1) LEI DE NEWTON (1) Leis e costumes de Iom Kipur (1) Leis Noahides (1) LGBQ (1) LIBERALISMO (1) Lilith (4) Links (1) LOGOS FM (1) LUTERO 2016 (1) Lutero e o Mal (2) MACEDO DE CAVALEIROS (1) Maçonaria (2) Mahdi (1) Mal (1) Malkitsdec (1) MANIF (1) MANTRAS (1) Mário Soares (1) MAS APENAS O PRIMEIRO HEBREU - J. Herculano Pires e Anselmo Borges (1) mas um problema (1) masculina ou neutra ou dual? No meu link da SEPTUAGINTA (1) Mashiach Ben Constantinus (1) Massiach (1) Masturbação (1) MATEUS 16:20 (1) Mazal (8) MAZAL HOJE - O DIABO | AS RELAÇÕES HUMANAS | O CRIACIONISMO (2) Medula Óssea (1) Meet the Amish (1) Melania Trump (1) Mesopotâmia (1) Milénio (1) Mística (2) mística nupcial (1) Mitch Hedberg (1) Mitos sexuais (2) MOMENTOS DE FÉ E COMPAIXÃO (1) Monja (1) MONOGAMIA | PRAZER | ROMANTISMO (1) More Ventura Twitcam (1) Moré Yossef Felix (1) Morte (2) Mortes (1) Mudanças (1) mulher (1) Mulher Segundo o Judaísmo Bíblico (1) Mulheres (1) MÚSICA (2) Música Judaica (1) não ensaie (1) não existe Neemias 11:16 (1) Nascimento de Jesus (1) Nascimento Virginal (1) Nasi (1) Nazoreu (1) NDE (2) Near Death Experience (1) nem Adão (1) Nem Eva (1) nem pecado original (1) no nível energético (1) Noiva do Cordeiro (1) O Fruto do Pecado Original (1) O mal (1) O Maligno (1) O MEU SITE (1) O mito do lençol manchado de sangue (1) O Nome (1) O Nome de Deus (1) O Nosso Destino Futuro (1) O Racialismo Excêntrico do Falo e de Lilith (2) O Ritual Tashlich (dos Peixinhos) (1) O SEXO DOS ANJOS (1) O sexo é a música do matrimónio (1) O TEMPO (1) O testamento do Papa Bento XVI (1) OIEV (1) Online Contemporary Jewish Community. (1) Open Theism (2) ORAÇÕES PELOS DOENTES (1) ORAR (1) Origens (1) Os Novos Dez Mandamentos (1) OSHO (1) OSHO: D-us não é uma solução (1) Osservatore Romano (1) Ovnis (1) Oxysgenos Design (1) Padre Beto (1) Padre Carreira das Neves (1) Padre da Lixa (3) Padre Quevedo (1) Padrões da Comunidade do Facebook (1) Palavra da Sabedoria (1) Pânico Na Band - 29/07/12 - COMPLETO (HD) (1) Papa (2) Paper.li (1) Parousia (1) PASTOR BATISTA FAMOSO E ESQUECIDO (1) PASTORES QUE NÃO ACREDITAM EM DEUS (1) Paulo Brabo (1) PDF (1) Pecado contra o Espirito Santo (1) Pecado Original (7) Pecado Original não existe nos Judeus (1) Pentecostes (1) Perdão (1) PERDOAR (1) Peshitta (1) Pessach (2) Poesia (1) POLÍTICA SEXY (1) Political and Religious Subjects (1) Porque razão o inconsciente tem uma atuação mais forte do que o consciente? (1) Post Mortem (1) Predestinação (2) Profecia (1) Purgatório (1) quebrou quando não creu Nele? (1) Quiyamah (1) Rabinato (1) Rabino Marcos Andrade Abrão (2) Rabino Marcos Andrade Abrão (1) Rádio Goom (1) Rádio Los 40 (1) RAP (1) Reencarnação (1) REFO 500 (1) Reform Judaism (2) REFORMATION (1) Regressão (1) Religião Hebraica e Cananita (1) Religiosas(os) de Clausura (1) Ressurreição (5) RETRO TUMBLR (1) Ricardo Gondim (1) RIT - Programa Vejam Só - A Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal (1) Ritual Kosher (1) Ritual Tashlich (dos Peixinhos) (1) Romanos 9 (1) ROMANOS 9 | PREDESTINAÇÃO | LIVRE-ARBÍTRIO | LIVRE AGÊNCIA | ADÃO NÃO FOI O PRIMEIRO HOMEM (1) Rosh Marcos Andrade Abrão (3) Ruído (1) Sacerdócio Feminino (1) Sacrifício de Jesus (1) Sacrifícios (1) SALMO 23 (1) Salvação (3) Samael (1) Samaritanos (1) Santidade Judaica (1) Santíssima Trindade (3) Santo Ofício (1) Santos (1) Santos Constantino e Helena (1) SARAH (1) Satan (2) Saúde (1) Serpente (1) Sete Leis de Noach (1) Sete Mandamentos (1) Sete Mandamentos de Noach (1) sexualidade (2) Shabbat Shalom (2) Sharia (1) Shechita (1) SPAM (1) Street View (1) Talmud (2) Talmude (1) Tanach (1) TANTRA (1) Teísmo Aberto (2) teologia (1) Teologia Relacional (1) Teólogo Kadu Santoro (1) TERCEIRA GUERRA MUNDIAL (1) TESE SOBRE HOMOSSEXUALISMO (1) Teshuvá - Tefilá - Tzedaká (1) Texto antigo fala que o Prefeito Pôncio Pilatos ofereceu sacrificar filho no lugar de Yeshua (1) The House of Yahweh My Side of the Story (1) The Shlomones -I'm Going to a Seder - Passover Pesach (1) This is my Bible (1) TIMELINE (1) Tom Horn (1) Torah (1) TORAH COMPLETA (2) Tradução Correta do NT (2) Transfusões de sangue (1) TRANSMUTAÇÃO (1) Tratado de Sotá (1) Tratado de Sucá (1) TREVAS (1) Trindade (4) tumblr pessoal (1) TUMBLRS (2) TWEETS (1) TWEETS LIBERAIS E CONSERVADORES (11) TWITCAM (1) TWITTERS QUE SIGO (1) TWWW.TV (1) Tzemah Yoreh (1) Um pastor sexualmente culpado e promiscuo (1) UMA PESSOA QUE NASCEU SURDA MUDA PENSA EM QUE IDIOMA? (1) UNÇÃO (1) Unitarismo (1) Valedor (2) VALORES (1) valores e práticas - 2011 (1) Verbo (1) Véu (1) Vida de Contemplação (1) VINGANÇA (1) VIOLÊNCIA (1) Virgem Maria (1) VIVER (1) Você crê em Deus ou em Elohim? (1) Yachad (1) Yachid (1) YESHAYAHU/ISAÍAS 52:13—53:12 (1) Yeshu (1) Yeshu ha-Notzri (1) Yeshua (4) Yom Kippur (1) Yoshke (3) Yossef Pai de Miriam (1)

    VERBETE SOBRE CIÚME

    Read more

    GLBT News

    Read more

    ESKUP ÚLTIMA HORA

    Tuultimolibro




    Padrões-da-Comunidade-do-Facebook e do Judaísmo Secular ou Humanista » http://cavrt.blogspot.pt/2012/10/padroes-da-comunidade-do-facebook.html



    Robespierre Cardoso da Cunha
    Simples o dominio que esta por trás dela é de um anjo caído ...HA'Satan


    Francisco Sales Gonzaga
    só isto e prq eles seguem anjo caido?será que o sujeito ñ esta vendo o anjo caido não? gente acorda!!!!!


    Regina Da Silva Farias
    ñ é nda por causa de anjo nenhum é por causa de poder só isto e riquezas ela sabe que se começa falar a vdd tera que devolver oque tomou dos inocentes a 2mil anos e tera que pga pelos crimes que cometeu nestes 20 seculos!


    Regina Da Silva Farias
    ela ainda é muito poderosa esta na epoca do barro mas ainda é muito forte!


    Alcides Jose de Castro
    Mas como posso ser conhecedor da vdd e ensinar a mentira?pode patecer ingenuo de minha parte mas quantas pessoas nas trevas.e JESUS CRISTO,O NAZARENO sempre diz que a vdd liberta.como posso cultuar imagens de gesso uma vez que D+us busca adoradores que o adorem em Espirito,pela fé.


    Francisco Sales Gonzaga
    A idolatria e depravação dos homens>A ira de DEUS se revela do céu contra toda impiedade e perversão dos homens que detém a verdade pela justiça; romanos cap;1;vers;18porquanto o que de DEUS


    Francisco Sales Gonzaga
    se pode conhecer é manifesto entre eles,porque DEUS lhe manifestou.vers;19!


    Magalhães Luís
    Eu ainda não percebi porque razão se afirma que a Igreja Católica leva à idolatria. Como é que uma teologia apoiada em Santos e teólogos de primeira qualidade ainda leva a uma questão do século XVI?! Quando as Igrejas da Reforma que tinham essa disputa já chegou a um entendimento da postura Católica. Para chegar a uma posição consensual nas cerimónias litúrgicas ecuménicas recorre-se a ícones.


    Magalhães Luís
    Continua-se a pensar a partir da mentalidade sectariana evangelical, unicista, unitariana, judia-muçulmana...


    Magalhães Luís
    E aos crentes em Yeshua vão estudar mariologia. Passo 1: http://pt.scribd.com/doc/99504667/MARIOLOGIA



    X
    Alcides Jose de Castro......a igreja católicas criou muitos costumes para se diferenciar entre as religião....para aderir mais adeptos.....criou costumes quem nem existe na Biblia,o de padre não poder casar,isto não existe, é apenas uma forma que igreja católicas achou de não dividir seus bens.....do vaticano não dividir seus bens com estas famílias....mais podemos ver muitos filhos bastardos jogados ao leu.....muitos jovens sendo usados pelos padres....não existe a crisma....entre muitos outros costumes ....o de idolatria....pois o Papa é o maior criador de imagens....mais pela posição social .....e politica ....pela força de poder politico.....ela consegue continuar a enganar......um pastor disse em uma de suas pregações que a África sofre até hoje as consequências das escravidão.....do Egito.....pois lá foi o lugar que Cristo foi crucificado.....e pela nação do Egito ser um povo negro.....entendeu-se que é racismo.....mais na verdade é só as consequências de pecado do passado.....Deus acabou com Sodoma e Gomorra pelo pecado do luxuria.....do imagens ....e idolatria ..e do homossexualismo que existia na época.....e este mesmo pastor disse que Deus ama os homossexuais....mais condena seus pecados.....foi criticado por isso ...e o Papa para defender a família católica disse a mesma frase.....que Deus ama os homossexuais mais condena seus pecados....ama as pessoas mais não seus erros.....e ninguém se importou....nada houve contra ele......tudo que a igreja católica aprova ....fala......por causa da politica...economia......do poder......tudo é aceito......e se de qualquer religião disser.....é condenado......a justiça do homem é cega......a justiça do homem é conveniente......só a Deus....é justa e fiel......por isso nunca vamos enteder ninguém nem o mundo pois os homens são corruptos e todo mundo tem um preço.....e cada um mostra seu valor na hora da verdade.......o mundo jás do maligno......e o que vale....entre muitos é sobreviver......enquanto deveria ser saber viver.....pois sem YHWH não somos nada......ou podemos até ser por um tempo.....mais não podemos ser o tempo todo...assim é a verdade e a mentira......tudo pode durar por um tempo mais nunca o tempo todo.....Deus tira as mascaras.....desnuda os soberbos....rebeldes...desobedientes.....arrogantes......


    Magalhães Luís
    A questão do Padre ser casado ou não, não tem a haver com argumentos materialistas. Que estão presentes, é claro, ninguém contesta isso. Mas o Padre casa misticamente com Jesus. Que é superior a qualquer casamento humano.


    X
    PAZ DE ESPÍRITO, MELHOR CALMANTE!
    Às vezes as tribulações da vida nos deixam abalados e perdemos a paz e o sono. Sentimo-nos acuados e encurralados por sentimentos turbulentos que assombram nossa alma. O melhor remédio para um sono reparador é a paz de espírito, fruto da confiança em Deus. o rei Davi, quando estava passando o momento mais amargo de sua vida, fugindo de seu próprio filho Absalão, que queria tirar-lhe a vida e tomar-lhe o trono, disse: "Deito e logo pego no sono, porque só tu, Senhor, me fazes repousar seguro".


    Magalhães Luís
    Eu sou um cristão que está casado misticamente com Jesus; não o troco por mulher alguma.


    Magalhães Luís
    Sou celibatário com toda a liberdade.


    Magalhães Luís
    Todo o sacerdote apaixonado por Jesus devia ser celibatário.


    Magalhães Luís
    Estou com São Paulo.


    Magalhães Luís
    1 Coríntios 7: 32 Pois quero que estejais livres de cuidado. Quem não é casado cuida das coisas do Senhor, em como há de agradar ao Senhor,

    33 mas quem é casado cuida das coisas do mundo, em como há de agradar a sua mulher,

    34 e está dividido. A mulher não casada e a virgem cuidam das coisas do Senhor para serem santas, tanto no corpo como no espírito; a casada, porém, cuida das coisas do mundo, em como há de agradar ao marido.

    35 E digo isto para proveito vosso; não para vos enredar, mas para o que é decente, e a fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distração alguma.
    João Ferreira de Almeida Atualizada (AA)


    Magalhães Luís
    "O homem não casado e o virgem cuidam das coisas do Senhor para serem santos, tanto no corpo como no espírito; o casado, porém, cuida das coisas do mundo, em como há de agradar à esposa."


    Magalhães Luís
    "A mulher não casada e a virgem cuidam das coisas do Senhor para serem santas, tanto no corpo como no espírito; a casada, porém, cuida das coisas do mundo, em como há de agradar ao marido."

    X
    Se o padre tem a ideia que casa com Jesus Magalhães Luís.....ainda é pecado maior ainda...de ignorância pois todos os padres tem suas amantes.....e o vaticano incoberta oculta tudo isso....sempre que aparece na mídia algo sobre isso de um padre ele fica um tempo fora e depois volta......lá tudo é acobertado....esse negocio de celitabo....é falso.....veja o Francisco renunciou.....ficou um tempo acobertado....e hoje já mora quietinho nos palácios do vaticano.....lá tudo funciona na mesma politica.....tudo se acoberta.....todos os estupros......toda luxuria......todo fruto da carne é acobertado e oculto pelo vaticano.....se você cre que existe mesmo celibato na igreja católica você é muito ingênuo.....


    Magalhães Luís
    "E digo isto para proveito vosso; não para vos enredar, mas para o que é decente, e a fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distração alguma."


    Magalhães Luís
    Pois eu não tenho amante alguma. Só Jesus na minha vida. E comigo tenho muitos santos.


    Magalhães Luís
    E não vivo na lúxuria.

    X
    Algum crente.....já foi casado com uma mulher por caridade?


    Magalhães Luís
    Sim. Por caridade. Existem crentes assim. Para as tirarem da prostituição. Com autorização eclesiástica. Nada às escuras. 


    X
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk......quanta hipocrisia Magalhães Luís


    Magalhães Luís
    Agora essas mulheres estão casadas com pessoas que realmente as amam no aspecto unitivo e procriativo. Cristãos praticantes. E nessas congregações toda a gente participa nesses eventos reconstructivos da nova biografia dessas almas.

    X
    Você está vendo que você só confirmou tudo o que eu disse Magalhães Luís.....o Vaticano aprova....tudo......e os padres enganam a si mesmos....pois a sociedade já sabe ....sem essa de caridade.


    Magalhães Luís
    Com certeza, mas não é da ICAR. Não menciono denominações. E foi um pedido de uma outra Igreja a outra Igreja. Que pediu ajuda. Pois não sabiam mais como ajudar. Foi algo interconfessional. Contaram-me. Gente de credibilidade.


    X
    Você não precisa casar com uma mulher para ajudar ela Magalhães Luís.........Para de se enganar com esses da clerezia.....Fica dizendo essas heresias absurdas de caridade e outros besteirol.


    Magalhães Luís
    José casou com Maria, a nossa Mãe, por caridade e obediência.


    Magalhães Luís
    Sabia disso?! Para não ser apedrejada.


    X
    Magalhães Luís......me desculpe...mais com a hipocrisia deslavada não dá da para falar.....e voce ainda fica argumentando se achando o bom......me poupe...desta.....todo o padre tem amante sim e é acobertado pelo Vaticano.......ele sabe que não vive o pecado pois casar e ter família não é pecado.....o pecado é a hipocrisia....sua de disser que era só caridade......


    Magalhães Luís
    José casou com Maria, a nossa Mãe, por caridade e obediência. Sabia disso?! Para não ser apedrejada. Sabia. Estou apenas a imitar o santo.


    Magalhães Luís
    E mais: "O homem não casado e o virgem cuidam das coisas do Senhor para serem santos, tanto no corpo como no espírito; o casado, porém, cuida das coisas do mundo, em como há de agradar à esposa."

    Magalhães Luís "A mulher não casada e a virgem cuidam das coisas do Senhor para serem santas, tanto no corpo como no espírito; a casada, porém, cuida das coisas do mundo, em como há de agradar ao marido."


    Magalhães Luís
    "E digo isto para proveito vosso; não para vos enredar, mas para o que é decente, e a fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distração alguma."


    Magalhães Luís
    Destaco: "A fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distração alguma."


    Magalhães Luís
    Sem distracção alguma.


    Magalhães Luís
    Sem distracção alguma.


    Magalhães Luís
    Sem distracção alguma.


    Magalhães Luís
    Destaco: "A fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distracção alguma."

    X
    Magalhães Luís.....ou voce é muito safado.....ou é ignorante.....Jose amava a Maria....já estava para se casar com ela......e por ser um homem temente a Deus....e por um anjo ter falado com ele....e por ele ver que ali se fazia a gloria de Deus.....se fazia cumprir as promessas.....e depois eles tiveram muitos outros filhos.....ele respeitou Maria no tempo que Deus deu a ele....mais a mulher que voce casou não precisava de sua caridade desta forma......me engana que eu gosto.....isso tem outro nome......que vergonha usar as Palavras Bíblicas para justificar esta heresia blasfêmia...hipocrisia....



    Magalhães Luís
    José amava Maria?! E por um Anjo ter falado com ele?! Isso é em Mateus 1:20. Em "19José, com quem Maria ia casar, era um homem que sempre fazia o que era direito. Ele não queria difamar Maria e por isso resolveu desmanchar o contrato de casamento sem ninguém saber."


    Magalhães Luís
    Veja: "José, com quem Maria ia casar, era um homem que sempre fazia o que era direito. Ele não queria difamar Maria e por isso resolveu desmanchar o contrato de casamento sem ninguém saber.""


    Magalhães Luís
    Não fala de amor. Fala de fazer tudo direito.


    Magalhães Luís
    E mais » Escreve São Paulo: "E digo isto para proveito vosso; não para vos enredar, mas para o que é decente, e a fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distracção alguma."


    Magalhães Luís
     E centre-se no que diz São Paulo: "E digo isto para proveito vosso; não para vos enredar, mas para o que é decente, e a fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distração alguma."

    X
    Magalhães Luís.....as pessoas usam versículos da Biblia...e querem usar em sua vida achando que estão fazendo as mesmas coisas igual da Palavra....se voce se casou com alguém seu celibato se foi no casamento.....hoje voce pode ser uma pessoa resguardada......mais não no celeibato...na pureza.....


    Magalhães Luís
    O celibato, no meu caso é retomado quando eu quiser. Eu quando fiz o voto de celibato não era perpétuo. Pois era um religioso calvinista, não era um religioso católico. Tinha alguns privilégios especiais. Eu queria crescer no conhecimento do Senhor. Sem distracções.


    Magalhães Luís
    E durante anos não me distraí do Senhor.


    X
    Eu já fui da Igreja Católica e tenho muitos da família na igreja católica e sei como funciona estas coisas lá....


    Magalhães Luís
    Se sei algo hoje devo-o a esse tempo. "O homem não casado e o virgem cuidam das coisas do Senhor para serem santos, tanto no corpo como no espírito; o casado, porém, cuida das coisas do mundo, em como há de agradar à esposa."


    Magalhães Luís
    Eu fui monge a tempo inteiro e sei como funcionam estas coisas lá...


    Magalhães Luís
    Não ouvi dizer.


    Magalhães Luís.....quando voce perde a virgindade.....perdeu amigo....quando perdemos algo....esta perdido principalmente num caso como esse......a pureza.....é assim ou se é ou se não é.....deixa de hipocrisia.....voce já de certeza se deitou ou coabitou com alguém e quer me dizer qaue é puro sexualmente.....me poupe......


    Magalhães Luís
    "E digo isto para proveito vosso; não para vos enredar, mas para o que é decente, e a fim de poderdes dedicar-vos ao Senhor sem distração alguma."


    Magalhães Luís
    Celibato não é virgindade.


    Magalhães Luís
    Celibato não tem a ver com ser puro sexualmente. Isso é ser monge budista.


    X
    HIPOCRISIA....Magalhães Luís..........voce não vive de celibato assim como nenhum padre vive isso é só enganação.....enganam vocês mesmos e tentam enganar os outros.........besteirol.........o celibato é um costume só no papel.....de igreja católica.....mais na pratica não funciona.....de forma nenhuma........HIPOCRESIA>>>>>>>>>>
    No dicionário Magalhes esta escrito assim: Celibato estado de uma pessoa que se manteve solteira...celeibatario que ou aquele que nunca se casou.......portanto.......para de HIPOCRESIA.....

    Magalhães Luís
    Os três conselhos evangélicos (de «virgindade-pobreza-obediência») constituem teologicamente um unicum. Os três conselhos não são separáveis: na sua unidade eles evocam a fé na Santíssima Trindade (escolhe-se ser pobre perante o Pai rico de todos os dons; obedientes como o Filho; virgens pelo amor unificador e fecundo do Espírito Santo), eles unem intimamente o cristão ao mistério do Filho encarnado que viveu pobre, casto e obediente; exprimem com radicalidade o dinamismo das três virtudes teologais; conduzem ao redescobrir da estrutura originária do ser humano e an­tecipam o mundo novo. Não se pode «professar» a virgindade, sem professar também a pobreza e a obe­diência.


    Magalhães Luís
    Mas dentro da Igreja Católica um padre pode casar-se. Basta ser padre católico da Igreja Católica de rito oriental.


    Magalhães Luís
    Só o padre de rito latino é que não pode casar.


    Magalhães Luís
    No rito ocidental se você quiser casar pode casar-se na Comunhão Anglicana e depois pedir para ser integrado na Igreja Católica.


    Magalhães Luís
    Por isso qualquer padre pode casar-se. Só tem é que escolher.


    Magalhães Luís
    Repito. Os três conselhos evangélicos (de «virgindade-pobreza-obediência») constituem teologicamente um unicum. Os três conselhos não são separáveis: na sua unidade eles evocam a fé na Santíssima Trindade (escolhe-se ser pobre perante o Pai rico de todos os dons; obedientes como o Filho; virgens pelo amor unificador e fecundo do Espírito Santo), eles unem intimamente o cristão ao mistério do Filho encarnado que viveu pobre, casto e obediente; exprimem com radicalidade o dinamismo das três virtudes teologais; conduzem ao redescobrir da estrutura originária do ser humano e an­tecipam o mundo novo. Não se pode «professar» a virgindade, sem professar também a pobreza e a obe­diência.

    X
    Magalhães Luís
    Se não quiser invocar a santíssima Trindade na sua vida sacerdotal, tem o rito oriental e a Comunhão Anglicana.

    Magalhães Luís........HIPOCRESIA ...e EGOCENTRISMO.......essa é sua religião esse é seu deus.......chega......sem definição..........................................................................................................................e o pior de tudo fica tentando se argumentar...............................................................seja seu sim. sim............seu não não o que vier além disso é maligno....................cada vez se compromete mais...quanto mais fala.....mais azeda tudo....


    Magalhães Luís
    Não quer entender é consigo. Mas pergunte a um padre se no rito oriental não se pode casar.


    Magalhães Luís
    Passar bem.

    X
    Tem muita sujeira em muitas lugares Magalhães Luís.......não em tudo mais em muita coisa em muita religião.....e escondem tudo debaixo do tapete.....conhecedores da Palavra ........é cheio de hipocrisia......enganação......só Deus para por terra toda sujeira......enganação.


    Magalhães Luís
    Que a afectividade e a sexualidade não são uma fatalidade, imposta pelas leis da natureza e da sociedade, mas são o campo de uma escolha livre, é o próprio Jesus quem o proclama, antes de mais sendo Ele próprio celibatário e proclamando que há aqueles que escolhem a via da continência por amor do Reino dos Céus (cf. Mt 19, 12). Ao proclamar a possibilidade desta escolha livre, o Senhor restitui ao casamento a sua dignidade de escolha livre. Sobretudo a mulher, que tinha a sua dignidade restringida à procriação, sente-se liberta e reconhecida na sua dignidade como pessoa. Não é por acaso que, na Igreja nascente, são as mulheres que escolhem a virgindade como caminho para seguir a Cristo, que suscitam o ideal da virgindade como caminho cristão de amor.


    Magalhães Luís
    Eu hoje retomo esse caminho. Por isso fico mais livre para estudar e poder depois partilhar.


    Magalhães Luís
    O celibato não é uma renúncia ao amor; é a escolha de um amor novo e este converge com o amor do Bom Pastor. A própria complementaridade homem-mulher encontra expressão de profundidade e de intimidade mística, onde o melhor de cada um exprime a comunhão dos santos. São Bento e Santa Escolástica, São Francisco e Santa Clara não são os únicos exemplos.

    Magalhães Luís.......voce vive na carne......do seu próprio egocentrismo........faz um churrasco da própria carne e não consegue nem sentir dor.......nem ver nada......vive num arco íris......


    Magalhães Luís
    Eu escolhi este amor novo. Imitador de São Paulo. E das suas palavras: "Sem distracção".


    Magalhães Luís
    Você parece que quer me incentivar negativamente.


    Magalhães Luís
    Em vez de me ajudar. Eis um poema que descreve o que queremos ser. O que a nossa alma quer ser. »»»»»»»»»

    Seja a alma humana leve, branca e pura como a neve, 
    A fim de que a sua lisura seja tudo menos breve. 
    Essa pureza química na verdade sã consiste; 
    A mentira, triste mímica, lá não cabe, lá não existe. 
    E assim, no refrigério dessa alva simplicidade, 
    Encontra-se viva e salva a irmã humanidade!...

    Miguel Neves